Notícias‎ > ‎

Publicações


TOPS-Advance otimizará as operações de novos investimentos portuários, na Indonésia

postado em 24 de jun de 2015 07:45 por Usuário desconhecido   [ 24 de jun de 2015 07:46 atualizado‎(s)‎ ]

 
Depois de implantar o Terminal Operating System (TOS) TOPS-Advance
no terminal Tekluk Lamong (Lamong Bay), no Porto de Surabaia, na Indonésia, a australiana Realtime Business Solutions (RBS) otimizará as operações de outro terminal no País, trata-se do Patikemas Samarang, localizado em Java, ilha que abriga a Capital Jacarta. 

Uma vez instalado, o pacote TOPX trabalhará junto aos RTGs automatizados da Konecranes (ARTG). Neste projeto, o TOPS abrange tanto o processo de planejamento, quanto à execução, incluindo o empilhamento por meio do ARTGs. Os terminais automatizados integram os planos do governo indonésio, o qual prevê a construção de 170 portos marítimos, além de nove navios porta-contêineres.

LAMONG BAY - Peça-chave no programa nacional de desenvolvimento marítimo, Lamong Bay é o primeiro porto guiado pelo conceito de preservação ambiental, no País. Inaugurado pelo presidente Joko Widodo, no dia 22 de maio, a expectativa é que o terminal aumente a capacidade anual do porto de 1,5 milhões para 3,5 milhões de TEU. Ao alcançar o nível máximo de operação, o Lamong Bay movimentará 5,5 milhões de TEU anualmente.

“Onde estão meus contêineres?”

postado em 24 de jun de 2015 07:28 por Usuário desconhecido   [ 24 de jun de 2015 09:17 atualizado‎(s)‎ ]

    
O Terminal Operation System (TOS) é o principal sistema de gestão para um terminal portuário, capaz de gerenciar cargas, máquinas e usuários. É também o responsável por monitorar de forma eficiente o fluxo de produtos dentro, fora e ao redor do terminal. Com a atual mudança acelerada e o crescimento de grandes concorrentes, a escolha de um bom sistema operacional (TOS) é o que garante o sucesso de um terminal. Os terminais precisam de um sistema que torne as tomadas de decisão mais rápidas e que aumente a produtividade fazendo com que o terminal seja eficiente, adaptável e rentável.

    Essas capacidades são encontradas com perfeição no TOPS – Advance, um sistema de software integrado, totalmente projetado para planejamento de pátio; planejamento de embarque/desembarque; gestão de veículos e equipamentos, automatização de equipamentos; gestão de gates; relatórios e interface de comunicação para integração fácil com quaisquer outros sistemas. A RBS, desenvolvedora do TOS, é uma empresa australiana que trabalha há 23 anos em desenvolvimento de software exclusivamente para a indústria de movimentação de contêineres. No final de 2014, a RBS firmou parceria com a T2S Tecnologia, Soluções e Sistemas, uma empresa brasileira com total capacidade de atender a demanda da América Latina, tendo o idioma nativo e o atendimento no fuso horário local como diferenciais significativos.

    A T2S já possuía 10 anos de experiência desenvolvendo soluções de software para o setor portuário e sendo a única representante da RBS nas Américas, visa fornecer aos clientes corporativos as ferramentas necessárias para um terminal mais produtivo, com estatísticas de monitoramento que permitam a melhoria contínua. Prova disso é o case da BTP, que foi apontado como um dos terminais responsáveis pelo aumento do desempenho do Porto de Santos em 2014.  Com o HOST, desenvolvido pela T2S, em conjunto com o TOPS-Advance (Terminal Operation System) da RBS, a Brasil Terminal Portuário reformulou a sua arquitetura de sistemas atingindo modernização, otimização e agilidade na manipulação de informações e comunicação com sistemas alfandegados, internos e operacionais, tendo influência direta no desempenho das operações portuárias.

Porque escolher o TOPS-Advance?
  • Gestão e controle de todas as operações; 
  • Redução de custos;
  • Otimização da utilização dos equipamentos;
  • Aumento da produtividade do terminal;
  • Sistema completamente integrado com informações em tempo real;
  • Segurança do usuário e controle de acesso;
  • Permite que planejadores trabalhem no mesmo navio ou quintal simultaneamente;
  • Diferentes idiomas;
  • Suporte local e em tempo integral;
  • O seu "look and feel" pode ser personalizado para atender às necessidades de qualquer usuário, desde cores até estilos de gestão de janela;
  • Facilidade de uso;
  • TOPS é constituído por dois componentes: TOPX-Advance, o controle de planejamento gráfico em tempo real e aplicativo de monitoramento e TOPO-Advance, manutenção das informações, EDI e relatórios. Os dois componentes são totalmente integrados e fornecem informação em tempo real;
  • Mais resultados com menos cliques no mouse.
Diferenciais Tecnológicos
  • Arquitetura robusta, mas leve
A simplicidade da arquitetura caracteriza a sofisticação da solução. Basta um único servidor, que pode ser clusterizado ou virtualizado, garantindo disponibilidade e performance.
Os dados da operação são manipulados em memória, e disponibilizados por um barramento lógico em tempo real aos terminais remotos clientes que rodam na memória do servidor.
  • Tempo-real, de verdade
Os planners observam as movimentações acontecendo instantaneamente e bem diante dos olhos deles, graças à arquitetura. Com isso, o trabalho fica colaborativo e efetivo.
  • Alta Disponibilidade
A arquitetura está preparada para implementação sob sistema de recuperação de desastres e níveis RAID. Pode também ser virtualizada em um cluster de HOSTS físicos.
  • Escalabilidade
Disponível para plataforma Linux, fique à vontade para incrementar sua infraestrutura sem interromper a operação.
  • Integração Flexível
A interface é feita de maneira incrivelmente simples, por meio de uma base de dados SQL que pode ser acessada por outras aplicações. Nada de middlewares proprietários que engessarão seus processos e gastarão seus recursos. Os dados são seus e você deve poder usá-los como quiser.

Público-Alvo
  • Terminais de Contêineres

Feira Intermodal & Infraportos 2015

postado em 23 de jun de 2015 14:05 por Usuário desconhecido   [ 24 de jun de 2015 07:37 atualizado‎(s)‎ ]

Considerado o maior evento das Américas para os setores de logística, transporte de cargas e comércio exterior, a Intermodal reúne, em três dias, liderança setorial e um seleto público que impulsiona negócios e parcerias, servido de plataforma para lançamentos, reforços de marca, joint-ventures, vendas e marketing. Serão mais de 48 mil visitantes, 600 expositores, 36 mil m2 de exposição e um programa completo de conferências com palestrantes de renome internacional.

Apresentando uma variedade de grandes fornecedores em todos os quatro principais modais de transporte (aéreo, marítimo, rodoviário e ferroviário), é um evento imperdível para embarcadores de carga que estão à procura de novas soluções nos setores de logística, transporte de cargas e comércio exterior. 

Durante o evento, embarcadores de carga podem encontrar as melhores soluções de logística e transporte em um só lugar, enquanto ampliam e fortalecem sua rede de relacionamentos com as principais empresas do setor no mercado, que podem ajudá-los a reduzir custos de transporte, melhorar tempo de entrega e margens de lucro.

Na edição de 2015 haverá uma novidade, o setor Infraportos. A indústria de infraestrutura portuária passa por um momento de crescimento econômico, motivada pela necessidade de aumentar a produtividade, eficiência e a competitividade dos portos do país. Em mais um anúncio relevante para a infraestrutura e o desenvolvimento nacional, o Governo Federal prometeu uma explosão de INVESTIMENTOS no setor portuário. O Governo anunciou investimentos de R$ 54,2 bilhões até 2017, e segundo o documento da Secretaria Especial de Portos, os novos investimentos serão aplicados em arrendamentos e terminais de uso privativo (TUP), sendo R$ 31 bilhões em 2014 e 2015 e R$ 23,2 bilhões em 2016 e 2017. O alto crescimento desse mercado motivou a UBM a criar um espaço onde compradores e fornecedores tivessem a oportunidade de se encontrar para realizar novos negócios, em uma feira voltada exclusivamente para infraestrutura portuária. O objetivo é atender os dois públicos: portos e terminais, fabricantes de equipamentos e tecnologias.

A T2S estará expondo seus produtos e serviços nesse setor da feira, mostrando o que há de melhor da Tecnologia da Informação para o setor Portuário. Também fazermos uma palestra apresentando o TOPS-Advance, solução global de automação de terminais de contêineres.

Para saber mais sobre os eventos, acesse:

T2S torna-se primeira representante brasileira a oferecer solução global para operação de Terminais de Contêineres

postado em 23 de jun de 2015 13:58 por Usuário desconhecido   [ 24 de jun de 2015 09:06 atualizado‎(s)‎ ]

A parceria tem como objetivo representar a RBS em toda a América Latina, oferecendo tecnologia para gestão de operação de terminais de contêineres.


No último semestre, Ricardo Pupo Larguesa e Rodrigo Lopes Salgado, sócios diretores da T2S, estiveram nas instalações da RBS (Real Time Business Solution), na Austrália, para firmar oficialmente uma parceria e tornar a T2S a primeira representante brasileira a oferecer uma solução global para terminais portuários de contêineres.

A Real Time Business Solution é uma empresa australiana que trabalha há 23 anos em desenvolvimento de software exclusivamente para a indústria de movimentação de contêineres. Com tantos anos de experiência e utilizando tecnologia de ponta, a RBS desenvolveu o TOPS-Advance que além de estar presente em 24 terminais pelo mundo, na opinião dos operadores de terminais que já utilizam o sistema, é o pacote mais avançado para as indústrias do setor.

Com essa nova parceria, a T2S especializa-se em soluções de software para o setor portuário, comercializando, implantando e suportando o TOPS-Advance. Além disso, continuará atuando no desenvolvimento de soluções integradas de software, seja com projeto ou consultoria. Sendo a única representante da RBS nas Américas, a T2S visa fornecer aos clientes corporativos as ferramentas necessárias para um terminal mais produtivo, com estatísticas de monitoramento que permitam a melhoria contínua. Além disso, os clientes passam a contar com treinamento e suporte no idioma nativo e fuso horário local, o que otimiza e muito a comunicação.

Tudo começou quando a T2S foi contratada pela Brasil Terminal Portuário para desenvolver o HOST de operação, e que seria integrado ao TOPS. O pessoal da RBS ficou tão impressionado com o que foi feito em um prazo tao curto que acabou convidando a T2S para iniciar a conversa de uma possível representação na América do Sul, já que era a primeira implantação do TOPS no continente.

Conheça o TOPS-Advance:

TOPS-Advance oferece um conjunto completo de recursos para o gerenciamento da operação de terminais de contêineres, incluindo planejamento de pátio; planejamento de embarque/desembarque; gestão de veículos e equipamentos, automatização de equipamentos; gestão de gates; relatórios e interface para sistemas financeiros... e muito mais.

A arquitetura simples e leve do sistema permite a colaboração em tempo real, e é de facílima implantação e manutenção. A integração com sistemas legados é extremamente flexível e muito mais apropriada aos complexos processos de operação dos terminais brasileiros. Embora 24 terminais em 14 países já utilizem o TOPS, a BTP é o único terminal no país a utilizar essa solução. E os resultados já apareceram, uma vez que o desempenho operacional da BTP já impacta positivamente na produtividade do Porto de Santos.

1-4 of 4